Grimstroke/História

Fonte: Dota 2 Wiki
Ir para: navegação, pesquisa
Grimstroke minimap icon.png Grimstroke,
Erro: não foi encontrado nenhum campo com o nome "gênero" em nenhuma das tabelas da base de dados especificadas.
O povo de Ashkavor se aglomerava ao redor da praça do templo, desejando testemunhar a ascensão do seu novo guardião — estar ao lado do homem enquanto este conectava as suas almas à dele. Contudo, quando ele dava as últimas pinceladas sobre a runa e a conexão de um novo Ascendido foi forjada, todos — mesmo aqueles que preferiram ficar em casa — podiam sentir que havia algo de muito errado acontecendo.

Ele já sabia a causa. As gotas de icor que ele usou para amplificar a potência dos seus potes de tinta o contaminaram, e o poder do feitiço que conjurou agora ameaçava consumi-lo. Uma corrupção em forma de tinta se espreitava pela runa, pelo cabo do seu pincel e logo cobriu as suas mãos. Dali, espalhou-se rapidamente. Depois de revestir o seu rosto e boca, gritar não seria possível nem se desejasse.

Por toda a sua vida ele estudava como obter poderes maiores que os limites dados pelos seus professores — até mesmo quebrando a proibição sagrada de amplificar a tinta. Com o poder da conexão do Ascendido aos seus pés, ele sentiu um poder inigualável passando pela sua alma como nunca pôde imaginar. Havia chegado a hora do seu maior triunfo; só bastava sobreviver.

Ele se apoderou do poder da conexão, enfrentando o fluxo de tinta corrompida. Um grande barulho enchia o ar — o grito coletivo do seu povo. Alguns tentavam ficar de pé. Os mais fracos caíram. Muitos tentaram correr. E ele continuava a extrair poder da reserva da sua linhagem. Mas não era suficiente para deter a maré de tinta.

Apenas quando a respiração presa nos seus pulmões começou a falhar, e a escuridão da tinta o cobria, ele achou uma saída. A conexão que ele fez com o povo ashkavorano — o seu povo — que deveria ser usada apenas para a sua proteção... fluía para os dois lados.

Com um último surto de força — desta vez impulsionado por mais que uma simples repulsa — ele lançou a torrente de tinta para cima da conexão em si.

Lentamente, ele sentiu a maré recuar... e ouviu as horríveis lamentações do seu povo enquanto a corrupção o banhava. Quando enfim a tinta cedeu, os seus olhos viam um mundo diferente. O povo ashkavorano não era mais o mesmo. Cada alma transformada em tons horripilantes do que antes eram — feitos não mais de carne e osso, mas de tinta viscosa e manchada.
Grimstroke
Lore Grimstroke.png
Associado com
Heróis:Ember Spirit minimap icon.png Ember Spirit
Earth Spirit minimap icon.png Earth Spirit
Storm Spirit minimap icon.png Storm Spirit
Facções:Ascendidos
Lugares:Ashkavor
Personagens:Yaovhi

Grimstroke é um ashkavorano, o último dos Ascendidos. Desonesto e arrogante por natureza, ele está sombreado pelos resquícios sombrios de seu antigo povo, torcido e transformado pela sua própria luxúria por poder. Treinado desde o nascimento para ser o protetor de seu povo, ao invés disso, as ambições pessoais do Grimstroke o levaram a corromper sua própria Ascensão, criando um ser envolto por tinta malévola. Com planos grandiosos em mente, ele sai com seu grande pincel para replanejar o mundo como lhe parece adequado.[1] Grimstroke é astuto e calculista em seus planos, e sozinho retém a maré de tinta de consumir mais que já consumiu.

Contexto[editar]

A família do Grimstroke

Quando criança, Grimstroke foi destinado a se tornar um guardião de seu povo, uma tarefa para qual foi preparado pelos seus professores sabiamente. Como os outros antes dele, seria um dia Ascendido, vinculando sua alma à todos os outros ashkavoranos, portanto, formando uma ligação de proteção.[2] Seus mentores ensinaram os limites desse vínculo e proibiram qualquer aumento do ritual, não percebendo as ambições sombrias do seu pupilo até que fosse tarde demais.[3] Criado em um ambiente rarefeito de altas artes e sofisticação, Grimstroke assumiu uma atitude elitista, demonstrando muito desprezo para aqueles de classe baixa.[4][5]

Ascensão[editar]

Grimstroke durante sua Ascensão, coberto pela tinta corrompida

No dia de sua Ascensão, Grimstroke entrou no templo, no centro de Ashkavor, e mergulhou seu pincel nos tinteiros sagrados, que ele tinha contaminado antecipadamente com gotas de icor estranhas. Como ligou seu pincel à runa do templo, a tinta corrompida tomou conta dele. Primeiro, ele resistiu a tinta usando as novas conexões que tinha forjado com seus companheiros ashkavoranos, mas até suas forças combinadas eram insuficiente. Como a tinta envolveu seu corpo, decidiu canalizar sua escuridão às conexões, instantaneamente corrompendo os outros ashkavoranos, transformando-os em seres obscuros.[6]

Tendo aniquilado seu próprio povo, Grimstroke fugiu do templo.

Retorno e consequência[editar]

Depois do ritual de Ascensão, Grimstroke tentou voltar à Ashkavor, mas se encontrou afugentado pelos fantasmas sombrios que costumavam ser seus parentes.[7] Eventualmente, ganhou domínio sobre seus novos poderes e fez seu caminho de volta para as terras do templo, onde ficou sem vida e inalterada desde que a abandonou.[8] Os fantasmas uivaram em sua chegada, mas Grimstroke assumiu o controle sobre eles, usando seu vínculo coletivo para corromper mais vítimas.[9]

Os resquícios dos ashkavoranos mantêm um nível de autonomia, no entanto. Procuram a morte para si ou, falhando nisso, arrastar Grimstroke na vida após a morte com eles.[10][11]

Mas nem todos os ashkavoranos foram corrompidos pela mão do Grimstroke, os Ascendidos permanecem e esperam restaurar seu povo mais uma vez.[12] No entanto, seus poderes foram muito deformados pela maré de tinta, e mal sobrevivem.[13] Grimstroke se esforça para corromper os Ascendidos também, trazendo-os sob seu controle com o poder dos Ancestrais, completando assim seu vínculo com todos os ashkavoranos.[14] Em busca de mais vítimas, os mesmo rituais de vinculação que, uma vez significavam proteger seu povo, foram distorcidos para usos mais nefastos.[15]

O raciocínio do Grimstroke para suas ações não é completamente conhecido, mas ele afirma que seu povo trouxe seu destino em direção a si mesmos.[16]

Amante[editar]

Yaovhi, amante do Grimstroke, antes de sua transformação

Antes de sua Ascensão, Grimstroke se apaixonou por Yaovhi, uma mulher ashkavorana, que a valorizava profundamente. Ela, também, foi consumida pela maré de tinta e transformada em um fantasma sombrio, que agora serve ao seu lado, assombrando e rasgando seus inimigos.[17] Embora Grimstroke não sinta tristeza pela destruição de seu povo, ainda relembra sobre Yaovhi, mas tenta não pensar no passado imutável.[18][19]

Passatempos[editar]

Treinado nos caminhos do pincel desde jovem, Grimstroke cresceu para admirar as artes, criticando obras literárias e visuais.[20] Ele está aberto à colaboração com outros criadores, e aproveita para ler suas coleções.[21] Além disso, também tem um interesse em esculturas e antiguidades.[22] Menospreza dança, recusando considerá-la uma forma de arte.[23]

A paixão do Grimstroke por segredos é particular, e é possivelmente uma das razões que o levou a corromper seu ritual de Ascensão em primeiro lugar. Nunca é tímido em perguntar aos outros personagens obscuros sobre os segredos que podem estar escondendo, ou ouviu em boatos.[24]

Relacionamentos[editar]

Um dos professores do Grimstroke caindo para a maré de tinta. Xin e uma figura desconhecida são vistos no plano de fundo.

Fiel à sua personalidade enegrecida, Grimstroke encontra muito para admirar em figuras similarmente sinistras, como Rotund'jere, Shadow Demon ou Balanar, que considera uma "criatura bonita".[25][26][27] Surpreendentemente, preocupa-se pouco com o Deus Morto, e despreza o canto interminável do Deus Morto.[28]

Ao ser encontrar com Sylla, diz que conheceu outro druida antes, embora a quem isso se refira seja desconhecido.[29]

Os Espíritos[editar]

Grimstroke tem um ódio partícula pelos três espíritos irmãos: Xin, Kaolin e Raijin, tanto que acha suas meras existências ofensivas.[30] A razão para esse ódio não é clara, mas parece que os espíritos estavam envolvidos em alguma calamidade do passado de Ashkavor, possivelmente conduzindo Grimstroke à perseguir maiores poderes em primeiro lugar.[31] Acusa Kaolin de ser um fantoche de algum mestre desconhecido,[32] Xin de roubar sua chama do Celestial Ardente[33] e Raijin de vestir Thunderkeg como um "terno de pele". [34]

Referências[editar]

  1. Resposta de Grimstroke: ▶️ Just the first dark mural brought to life by the tip of my brush.
  2. Biografia de Grimstroke.
  3. Biografia de Grimstroke.
  4. Resposta de Grimstroke: ▶️ A working class hero is nothing to me.
  5. Resposta de Grimstroke: ▶️ Surrounded by blue collar buffoons!
  6. Biografia de Grimstroke.
  7. Resposta de Grimstroke: ▶️ In the first days, they'd hounded me. Driven me away! I had no control.
  8. Resposta de Grimstroke: ▶️ Only once I'd grown strong enough, and the revenants could harm me no more.
  9. Biografia de Grimstroke.
  10. Resposta de Grimstroke: ▶️ The remnants of my people also seek death, prophet. Don't give them any new ideas.
  11. Resposta de Grimstroke: ▶️ The grasping arms of my kin tried to hold me back.
  12. Resposta de Grimstroke: ▶️ The Ascended Ones shrink from me. They still hope our people can be saved.
  13. Resposta de Grimstroke: ▶️ The power of the Ascended Ones was warped by my transformation. They live... barely.
  14. Resposta de Grimstroke: ▶️ With the power of the Ancients in hand, the last remnants of my kind will learn, there is nowhere left to hide.
  15. Descrição de Vínculo Espiritual.
  16. Resposta de Grimstroke: ▶️ You know as well as I, my people invited this fate upon themselves.
  17. Trailer de divulgação
  18. Descrição de Abraço Fantasma.
  19. Resposta de Grimstroke: ▶️ Thoughts of lost loves only entrap us in the past, Skywrath. Dwell not on what might have been.
  20. Resposta de Grimstroke: ▶️ Your early works are impressive, Wukong, but I'm not a fan of the newer stuff.
  21. Resposta de Grimstroke: ▶️ I love a good collaboration, Wyvern. What do you say?
  22. Resposta de Grimstroke: ▶️ You were right, I do have an interest in antiquities. Hm hm hm hm ha ha ha ha.
  23. Resposta de Grimstroke: ▶️ Dancing isn't art, Slark. It's frivolity.
  24. Resposta de Grimstroke: ▶️ I've discovered a few secrets of my own, Lanaya. Want to compare notes?
  25. Resposta de Grimstroke: ▶️ I take little pleasure in killing such a beautiful creature.
  26. Resposta de Grimstroke: ▶️ Him, I like!
  27. Resposta de Grimstroke: ▶️ I have a feeling we're going to get along famously, Shadow Demon.
  28. Resposta de Grimstroke: ▶️ The Dirge sickens me!
  29. Resposta de Grimstroke: ▶️ I'm fairly certain I've met another druid before.
  30. Resposta de Grimstroke: ▶️ Your very existence was offensive!
  31. Grimstroke Reveal Trailer
  32. Resposta de Grimstroke: ▶️ Look what happens to a puppet when you cut the strings.
  33. Resposta de Grimstroke: ▶️ Your flame isn't even your own, Xin. What hope did you have against me?
  34. Resposta de Grimstroke: ▶️ Time to get you out of that skin suit, spirit!